247 - O humorista Danilo Gentili terá de que pagar R$ 20 mil ao deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ, porque associou o parlamentar ao movimento black block e o chamou de 'farsante' no Twitter. Ele foi condenado por injúria.

No Google, buscas pelo nome do entrevistador do SBT cresceram quase 4.000% em apenas um dia após ser condenado a detenção de seis meses em regime semiaberto por ofender a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).

A injúria contra a parlamentar aconteceu em um vídeo publicado pelo humorista em março de 2016. De acordo com decisão judicial, ele injuriou a deputada "ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro, atribuindo-lhe alcunha ofensiva, bem como expôs, em tom de deboche, a imagem dos servidores públicos federais e a Câmara dos Deputados".


Brasil 247

Faça um comentário

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;

Postagem Anterior Próxima Postagem