Reprodução/Instagram

Após Jair Bolsonaro ter ignorado o brutal assassinato do músico Evaldo dos Santos Rosa, de 51 anos, alvo de 80 tiros de soldados do Exército no Rio de Janeiro, Eduardo Bolsonaro declarou que o caso tem de ser investigado. No entanto, disparou em seguida: “Ninguém tem escrito na testa que é criminoso”.

Em entrevista ao Guaíba News, nesta quinta-feira (11), o filho do presidente disse: “É lamentável e triste. Os policiais envolvidos já foram averiguados pelos seus superiores. Ninguém tem escrito na testa que é criminoso. Casos como estes que venham a ocorrer serão investigados”, ressaltou, sem demonstrar a indignação que o caso exige, da mesma forma que seu pai.

Eduardo foi ao Rio Grande do Sul para receber a Medalha do Mérito Farroupilha, concedida pelo deputado licenciado Ruy Irigaray (PSL). “Isso é expressão da democracia”, destacou.

O merecimento pela homenagem esteve longe de ser unanimidade entre os deputados gaúchos. Em consequência da polêmica criada, o deputado Fábio Ostermann (Novo) protocolou projeto de lei que vincula a entrega da medalha à concordância da maioria em plenário.


Revista Fórum

Faça um comentário

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;

Postagem Anterior Próxima Postagem