O Brasil acorda sábado com um grande líder: Fernando Haddad




Mauro Lopes

Com a sequência de pesquisas desta semana e a performance de Haddad no Jornal Nacional, é possível dizer com razoável margem de segurança: as forças democráticas sob a liderança do PT caminham para uma vitória histórica nestas eleições.

Abriu a entrevista no Jornal Nacional lavando a alma do país e enfrentando o império em sua sede: "Boa noite, presidente Lula". Mais ainda, afirmou que quem deveria esta sentado na bancada de entrevistas não era ele, mas Lula. Coragem, fidelidade, firmeza.

A partir da saudação a Lula, dominou a cena e inverteu a lógica que presidiu as demais entrevistas conduzidas por William Bonner e Renata Vasconcelos: foi ele quem conduziu a entrevista, e não os executivos da Globo. Defendeu seu partido, defendeu seu programa e foi incisivo na crítica à Rede Globo, deixando claro ao país que a moleza acabou para a família Marinho.

Terminamos assim a semana: Haddad sobe como um foguete nas pesquisas e foi soberano na temida sabatina do Jornal Nacional, com uma performance consagradora.

Em apenas quatro dias como candidato, Haddad mostrou que é um digno representante de Lula no pleito e é muito mais que o tal "poste" com o qual propaganda da direita, de Ciro e da mídia conservadora tentou iludir o país.

O Brasil acorda sábado com um grande líder à frente do processo eleitoral: Fernando Haddad. 

Postar um comentário

0 Comentários