O rapper brasileiro Emicida denunciou as mazelas sociais do país durante o programa "Ferréz em Construção. Para ele, “esse discurso da meritocracia apenas esconde uma dura realidade:que mais da metade dos brasileiros não possuem os bens básicos para sobrevivência. O Brasil é uma maquina de moer pobres", destacou.


Segundo Emicida, “2018 não será um ano fácil, estamos em uma guerra declarada, a direita brasileira está vindo de execução sumária mesmo, vide o assassinato de Marielle Franco, por isso precisamos estar cada vez mais unidos e conscientes”, alertou.

O rapper já visitou diversas ocupações e disse que apoia entidades que atuam em defesa da moradia popular e condenou a situação socioeconômica brasileira.

“Nosso país tem uma desigualdade social muito canalha e o movimento de moradia evidência isso de forma horrenda. A coisa mais vergonhosa da nossa nação é uma casa ser um sonho pra alguém, quando na verdade deveria ser um item básico na vida das pessoas”, afirma.

Ele segue expondo a dura realidade das famílias brasileiras. “Esse discurso da meritocracia apenas esconde uma dura realidade, mais da metade dos brasileiros não possuem os bens básicos para sobrevivência. O Brasil é uma maquina de moer pobres. Se a pobreza não fosse criminalizada da forma que é, talvez essas pessoas teriam alguma atenção”, concluiu Emicida.


Portal Vermelho



Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

Minha lista de blogs