Autor de "O Iluminado" e "Laranja Mecânica" consagrou sua arte explorando lado obscuro do ser humano


Wikicommons // Kubrick é considerado um dos principais cineastas do século XX

Em 7 de março de 1999, o cineasta norte-americano Stanley Kubrick morre em Hertfordshire, Inglaterra, aos 70 anos. Um dos mais aclamados diretores cinematográficos do século 20, Kubrick explorou o lado escuro da natureza humana em seus 13 filmes.

Nascido na cidade de Nova York em 1928, Kubrick abraçou a fotografia ainda no colégio, tornando-se membro da equipe de fotógrafos da revista Look aos 17 anos. Encarregado de fotografar uma cena de luta de boxe, inspirou-o a produzir em 1951 "The Day of the Fight", um curta-metragem a respeito desse esporte.

O curta foi adquirido por uma agência de notícias. Ele realizou dois documentários mais antes de rodar um longa-metragem de baixo custo, "Medo e Desejo" (1953), que tinha como tema a guerra. O filme, uma produção independente, recebeu muito pouca atenção fora de Nova York, onde a crítica já elogiava os talentos de Kubrick como diretor.

Laranja Mecânica: grande clássico do cinema no século XX


Os dois filmes subsequentes de Kubrick, A Morte Passou por Perto (1955) e O Grande Golpe (1956) atraiu a atenção de Hollywood. Já em 1957 dirigia o consagrado ator Kirk Douglas em Glória Feita de Sangue, a história de uma injustiça militar praticada no exército francês durante a Primeira Guerra Mundial.

O astro Douglas contratou mais tarde Kubrick para encarregar-se da produção de Spartacus (1960), um épico histórico acerca de uma rebelião de escravos liderada pelo escravo romano Spartacus em 73 a. C..

O filme foi um rotundo êxito de bilheteria, tendo ganho quatro estatuetas Oscar da Academia, inclusive o de Melhor Direção, atribuída a Russell Metty mas que no fundo deveu-se amplamente ao trabalho de Kubrick. Antes das tomadas, a característica obsessão de Kubrick pelos detalhes criou alguma tensão com o elenco e o conjunto da equipe de filmagem.  

Wikicommons // "Here is Jonnhy": cena com Jack Nicholson em "O Iluminado" é um clássico dos anos 80

Após Spartacus, mudou-se permanentemente para a Inglaterra, onde dirigiu Lolita (1962), baseado no controvertido romance de Vladimir Nabokov. Dois anos depois, emplacou outro grande sucesso comercial e de crítica com Dr. Fantástico (Dr. Strangelove or How I Learned to Stop Worrying and Love the Bomb, no título em inglês). Estrelado por Peter Sellers e George C. Scott, Dr. Fantástico era uma comédia ‘noir’ acerca da corrida armamentista nuclear, o que lhe proporcionou quatro indicações para o Oscar de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro e Melhor Ator (Peter Sellers).

Kubrick dedicou quarto anos de trabalho para realizer sua película seguinte: 2001: Uma Odisseis no Espaço (1968), com roteiro compartilhado com o escritor inglês Arthur C. Clarke. Amplamente considerado pelo público e crítica como o melhor ficção científica produzido, “2001: Uma Odisseia no Espaço” garantiu a Kubrick um bem merecido Oscar de Melhor Efeito Visual.

O trabalho subsequente de Kubrick foi Laranja Mecânica (1971), uma intervenção sociológica altamente polêmica, localizada num futuro próximo. Recebeu da censura cinematográfica dos Estados Unidos a classificação X por sua extrema violência e foi simplesmente proibido no Reino Unido. Não obstante recebeu quatro indicações para o Oscar inclusive o de Melhor Filme.

Barry Lyndon (1975) foi uma fita pitoresca baseada na novela do século 19 de autoria de William Thackeray. Kubrick, que se notabilizou por sua tendência ao perfeccionismo, levou 300 dias, um tempo recorde, para lançar o filme. O Iluminado (1980), estrelado por Jack Nicholson como vigia de um resort de montanha que enlouquece, foi saudado como uma verdadeira obra-prima do gênero horror. Nascido para Matar (1987) tratou da Guerra do Vietnã e foi outro grande sucesso comercial e de crítica.

Em 1997, após 10 anos de ausência dos meios cinematográficos, Kubrick começou a filmagem de De Olhos Bem Fechados (1999), um enigmático ‘thriller’ estrelado por Tom Cruise e Nicole Kidman. O diretor morreu logo depois de ter concluído a edição do filme.

Opera Mundi



Gostou do Blog? Divulgue. Curta. Compartilhe. Colabore. Aproveite os preços baixos dos livros. AQUI Últimos livros Anunciados e AQUI Tabela de Preços Promocionais
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis cliente. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

0 comments:

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;