Em vídeo, a atriz critica as reformas trabalhistas que Temer tenta aprovar no Congresso como a que implanta a terceirização irrestrita. Projeto deve ser votado e aprovado amanhã na Câmara dos Deputados. Assista



A atriz Camila Pitanga divulgou, nesta terça-feira (21), um vídeo em que se posiciona contra as reformas trabalhistas que o presidente Michel Temer tenta aprovar no Congresso. A principal delas, a que prevê a terceirização, deve ser votada e aprovada nesta quarta-feira (22) na Câmara dos Deputados.

“Dizem por aí que a reforma trabalhista gera empregos. Mentira, não gera. O que gera emprego é crescimento econômico. O que os autores da reforma querem é retirar direitos dos trabalhadores”, afirma a atriz, chamando atenção para o fato de que a proposta vai facilitar a contratação apenas de temporários, sem direito a férias e outros benefícios.

Assista a íntegra.



Portal Fórum



Gostou do Blog? Divulgue. Curta. Compartilhe. Colabore. Aproveite os preços baixos dos livros. AQUI Últimos livros Anunciados e AQUI Tabela de Preços Promocionais
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis cliente. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

0 comments:

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;