O prefeito Rafael Greca (PMN) sofreu um duro revés nesta segunda-feira (13) no Tribunal de Contas do Estado, que determinou a suspensão imediata do aumento na tarifa de ônibus em Curitiba.



A Prefeitura de Curitiba havia aumentado na semana passada o preço da passagem em 15%, que subiu de R$ 3,70 para R$ 4,25 — a maior tarifa entre as capitais do país.

A decisão em medida cautelar coube ao conselheiro do TCE Ivan Bonilha.

Greca tem até cinco dias para recorrer da liminar do órgão de contas.

Segundo o Tribunal, a Prefeitura de Curitiba está cobrando duas vezes pela “renovação da frota” nas planilhas de custos da tarifa.


Blog do Esmael
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário: