Don Quixote de la Mancha, escrito por Miguel de Cervantes Saavedra, teve sua primeira edição publicada no dia 16 de janeiro de 1605. É uma das obras-primas da literatura espanhola e da literatura universal e também o livro mais traduzido. A inspiração de Cervantes para compor essa obra originou-se, ao que tudo indica, do chamado Entremez dos romances, de uma época anterior (embora isso seja discutível). Seu argumento ridiculariza um lavrador que enlouquece acreditando ser herói de romances. O lavrador abandonou sua esposa e partiu como fez Don Quixote. Esse entremez possui uma leitura dupla: também é uma crítica a Lope de Veja, que, depois de compor numerosos romances autobiográficos nos quais contava seus amores, abandonou sua esposa e partiu para a Armada Invencível.



Imagem: Gustave Doré [Domínio público], via Wikimedia Commons




History
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário: