Ao som de Apesar de Você, de Chico Buarque, artistas buscam alertar o sociedade dos possíveis retrocessos que o projeto pode acarretar caso seja aprovado



Foto: Reprodução

Em um vídeo divulgado pela CUT (Central Única dos Trabalhadores) , artistas como Wagner Moura,Osmar Prado, Tonico Pereira e Beth Carvalho, se manifestam contra a PEC 241. Ao som deApesar de Você, de Chico Buarque, os artistas buscam alertar o sociedade dos possíveis retrocessos que o projeto pode acarretar caso seja aprovado.

Prioridade do governo de Michel Temer, o projeto pretende congelar os gastos públicos nos próximos 20 anos. A PEC foi aprovada em primeiro turno na Câmara e ainda precisa passar por mais uma votação na Casa, prevista para acontecer no dia 24 ou 25 de outubro, para depois ser votada no Senado.

Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

0 comments:

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;