No dia 4 de agosto de 1849 morria, em Mandriole, na Itália, Ana Maria de Jesus Ribeiro, mais conhecida como Anita Garibaldi ou a "Heroína dos Dois Mundos". Ela foi a companheira do revolucionário Giuseppe Garibaldi, que conheceu aos 18 anos, em Laguna (SC), durante a durante a Revolução Farroupilha ou Guerra dos Farrapos. Na época, Garibaldi tinha 32 anos. O local de nascimento de Anita é alvo de controvérsias. Em 1998 uma ação judicial determinou que ela seria natural de Laguna, onde teria nascido no dia 30 de agosto de 1821, apesar de alguns estudiosos afirmarem que ela seria de Lages (SC). Assim que conheceu Giuseppe, Anita se apaixonou e decidiu lutar pela independência gaúcha e de outros territórios. Enquanto estiveram juntos, tiveram quatro filhos – um deles morreu aos dois anos. Anita seguiu seu marido nos combates em Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Uruguai (Montevidéu) e Itália, onde presenciou a proclamação da República Romana, em 1849, mesmo ano da sua morte. Ela morreu doente, durante o parto do quinto filho, que também não sobreviveu. Tanto no Brasil como na Itália, Anita é considerada exemplo de dedicação e coragem. Seu nome foi dado a dois municípios, ambos em Santa Catarina: Anita Garibaldi e Anitápolis. Em 2012, seu nome foi inscrito no Livro dos Heróis da Pátria, em Brasília.

Imagem: [Domínio público], via Wikimedia Commons

History
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário: