O Programa Mais Educação não abrirá novas inscrições em 2016. Dessa forma, o principal programa de indução da educação integral ficará dois anos sem repassar verbas para as escolas. A denúncia é do Centro de Referência em Educação Integral.
 
 



O Programa Mais Educação não abrirá novas inscrições em 2016. O Centro de Referência em Educação Integral teve acesso a uma apresentação do ministro Mendonça Filho, da Educação, que classifica o programa como “ineficiente, com graves problemas de gestão, carente de políticas de avaliação e com distorções gritantes”.

Não soubéssemos o caráter do governo interino e podíamos comprar esse discurso. O professor Leandro Fialho, que trabalhou no MEC de 2003 até julho deste ano, diz que a atual gestão não vê o programa como uma política importante.

Diante dessa avaliação, o governo interino não abrirá novas adesões em 2016. Dessa forma, o principal programa de indução da educação integral ficará dois anos sem repassar verbas para as escolas. A denúncia é do Centro de Referência em Educação Integral.



Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário: