O filme de Kleber Mendonça Filho recebeu a classificação indicativa de 18 anos. Sem justificativa plausível, a ação só pode ser vista como uma tentativa do governo golpista de boicotar Aquarius pelo posicionamento político de seu elenco e equipe técnica



Nesta semana, o filme Aquarius, de Kleber Mendonça Filho, recebeu classificação indicativa de 18 anos, a mais rígida de todas. O Ministério da Justiça alega que o filme apresenta “situação sexual complexa”; veja como o guia prático da classificação indicativa do MJ a descreve:

B.6.2. SITUAÇÕES SEXUAIS COMPLEXAS / DE FORTE IMPACTO SITUAÇÕES SEXUAIS COMPLEXAS / DE FORTE IMPACTO SITUAÇÕES SEXUAIS COMPLEXAS / DE FORTE IMPACTO
– Sexo com incesto (apresentação de cenas de sexo ou relações erótico-afetivas entre parentes de primeiro grau ou correlatos, como pai, mãe, irmão, padrasto, enteado etc.), sexo grupal, fetiches violentos e pornografia em geral.

O filme Aquarius não apresenta nenhuma das cenas de sexo descritas, nem as tem como foco central ou periférico do seu enredo. Sendo assim, não há como dizer que a medida não é uma retaliação clara à obra pelo posicionamento político do elenco e equipe técnica do filme, que vem denunciando o golpe ao redor do mundo, inclusive no Festival de Cannes.

Enquanto isso, a novela Velho Chico (Rede Globo), apresenta em horário nobre cenas de estupro, sexo, nudez e violência e recebe classificação indicativa de 12 anos. Dois pesos e duas medidas? Essa parece ser a nova lei Brasil.


Alerta Social
Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

0 comments:

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;