Alfabetização dos Alunos das Classes Populares - Ainda um Desafio
Regina Leite Garcia, 100 páginas, publicado em 2012
Editora: Cortez
Dimensões: 21,0 x 14,0 cm
Área: Educação
de R$ 29,00  por R$ 10,00


Quant.:
  


Sinopse


Alfabetizar as crianças das classes populares no Brasil ainda é um desafio. Ao contrário de alfabetizar todas as crianças em idade de escolaridade obrigatória, a escola vem sendo uma fábrica de produção de analfabetos. A cada ano entram na escola milhares de crianças que já trazem importantes conhecimentos sobre a linguagem escrita, já que vivem numa sociedade letrada, e, na escola, vão sendo colocadas na fôrma do "método", o que não só as faz esquecer a função social da escrita, como as faz aprender a sua incapacidade para aprender.

Sobre o Autor


Regina Leite Garcia
Regina Leite Garcia é professora emérita da Universidade Federal Fluminense (UFF), pesquisadora do CNPq e coordenadora do Grupalfa - Grupo de Pesquisa Alfabetização dos alunos e alunas das classes populares.

Detalhes Técnicos


Cortez Editora
Coleção: Nova Coleção Questões da Nossa Época
Organizador: Regina Leite Garcia
ISBN: 9788524919084
Número de páginas: 104
Formato: 14.00 x 21.00
Peso: 140 gramas

Mais Informações




Atenção

Os preços dos produtos estão sujeitos a alteração sem prévia comunicação. Os pedidos ficam condicionados a disponibilidade do estoque de nossa livraria e de nossos fornecedores (editoras e distribuidores).

Axact

Ronaldo

Blogueiro e livreiro, reproduzo as notícias que considero interessante para os amigos e disponíbilizo meu acervo de livros para possíveis clientes. Boa leitura e boas compras.

Poste aqui o seu comentário:

0 comments:

-Os comentários reproduzidos não refletem necessariamente a linha editorial do blog
-São impublicáveis acusações de carácter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;
-São intoleráveis comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;
-É inaceitável conteúdo comercial, publicitário (Compre Bicicletas ZZZ), partidário ou propagandístico (Vota Partido XXX!);
-Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone;
-Não são permitidos comentários repetidos, quer estes sejam escritos no mesmo artigo ou em artigos diferentes;
-Os comentários devem visar o tema do artigo em que são submetidos. Os comentários “fora de tópico” não serão publicados;